PLANTÃO 24H. Ligue: (51) 3491.6100

Posso dar legumes, verduras e frutas para o meu cachorro?

Posso dar legumes, verduras e frutas para o meu cachorro?

Legumes, verduras e frutas, assim como são essenciais a nossa boa alimentação, fazem muito bem também para a saúde dos animais de estimação, considerando dosagens moderadas e tipos que podem ser consumidos pelos pets. Enriquecer a alimentação de cães e gatos com esses vegetais pode trazer benefícios a sua saúde se for um condicionamento monitorado.

E a maioria dos nossos bichinhos aprecia esses “petiscos” saudáveis e saborosos, que complementam a nutrição baseada principalmente em rações, que já contêm todos os nutrientes necessários. Mas lembre-se que a digestão do seu companheiro não é igual a dos humanos, o que exige cuidados especiais.

E antes de dar esses alimentos “verdes” para o seu bichano, converse com um veterinário para que ele indique uma dieta balanceada, explicando quais os legumes e frutas que podem ser oferecidos aos animais de companhia, assim como a quantidade específica que os peludos podem comer.

Cenoura, beterraba e brócolis, por exemplo, são ótimas fontes de vitaminas e de minerais, assim como alface, repolho, espinafre e couve. O que deverá variar é a forma como você dará esses alimentos para o seu cachorro. Então, é importante que você peça ajuda a um médico de sua confiança para fazer a coisa certa.

Alguns legumes deverão ser cozidos. Algumas partes destes vegetais podem não ser indicadas para o consumo de cães e gatos. O especialista também vai ensinar para você o que misturar com a ração. E vai alertar sobre toxinas prejudiciais à saúde de seu parceiro que podem estar nestes alimentos de acordo com suas condições.

As frutas são também são ricas em fibras e vitaminas, como as verduras e os legumes. A maçã e a pera, por exemplo, exigem atenção quando você alcançar para o seu cãozinho, pois elas fazem parte do grupo que, dependendo do caso, deve-se retirar a casca ou não. Outras frutas que você precisa saber devem ter as sementes e os talos removidos.

A banana possui propriedades adstringentes e pode combater a diarreia nos animais, mas o seu consumo deve ser restrito devido ao alto grau de frutose. Essa quantidade de açúcar nas frutas deve ser acompanhada para não causar danos ao organismo dos bichinhos, principalmente se ele for diabético, e até mesmo evitar a obesidade.

Já a melancia, por conter muita água, é ótima para a hidratação do animal, principalmente no verão, ministrada sem sementes. Mas seu gato ou cachorro não deve ingerir essa fruta em demasia, pois também agrega muita frutose.

Atenção também para caroços e miolos de alguns tipos de frutas que devem ser retirados por conter substâncias tóxicas. Frutas cítricas, que acabam sendo muito ácidas, podem irritar o estômago do animal ou provocar alterações do sistema nervoso central.

Alergias, restrições alimentares e outras doenças como as cardiovasculares são fatores de alerta para a dieta que envolva vegetais. Mais uma razão para você ter certeza do que está dando para o seu amigo fiel, para não prejudicar a sua saúde ou até mesmo causar a morte do animal.

Deixe uma resposta

Fechar Menu