PLANTÃO 24H. Ligue: (51) 3491.6100

Cães promovem a qualidade na vida das pessoas

Cães promovem a qualidade na vida das pessoas

Promover a saúde e qualidade de vida para pessoas em situação de vulnerabilidade, trabalhando a área de assistência animal, principalmente com cães. Essa é a missão do Cão Terapeuta, uma Organização Não Governamental (ONG) sediada em São Paulo.

Atualmente, atende hospitais, creches, centros de acolhida para idosos e ambulatórios de psiquiatria, através de visitas semanais, quinzenais, mensais e esporádicas a instituições que cuidam de crianças e adultos enfermos, com deficiência física e intelectual e problemas mentais.

O objetivo da ONG é interagir com as pessoas, fazer com que elas se sintam bem, que possam desenvolver algumas habilidades, evoluir o comportamento e que possam sair do isolamento social.

O antes e o depois da visita do cão, faz uma diferença enorme nas crianças internadas em hospitais, de acordo com o Instituo Cão Terapeuta. A rotina fica mais leve e o ambiente mais acolhedor.

As crianças se sentem melhor ao ficar perto dos animais e a cada visita demonstram a influência positiva do contato com o animal. A terapia é considerada como parte do tratamento dos pequenos e totalmente aprovada pelos tutores dos menores.

Segundo a ONG, há muitos benefícios cientificamente comprovados com a terapia utilizando animais. Melhora a parte fisiológica da pessoa, reduz o nível de stress, batimentos cardíacos, pressão arterial. Estimula a memória e a comunicação, não contando a alegria que os cãezinhos levam às pessoas de todas as faixas etárias.

A relação emocional na convivência com os cachorros é de satisfação, alegria e até felicidade. Os bichinhos já chegam com o rabinho abanando, sobem no colo e se divertem. Assim, constroem nas visitas uma amizade saudável, um verdadeiro vínculo sentimental com as pessoas.

De acordo com a ONG, o objetivo do Cão Terapeuta é compartilhar o contato, o afeto, em uma ação que pode mudar a vida de alguém, quebrando, muitas vezes, uma rotina de vida sem emoções.

O Instituto possui 45 cachorros terapeutas e seus donos voluntários, 10 voluntários sem animais e 24 adestradores, que têm a responsabilidade de cuidar da saúde e também do comportamento dos cães.

Deixe uma resposta

Fechar Menu