PLANTÃO 24H. Ligue: (51) 3491.6100

Vacinas preservam a vida e a saúde do seu pet

Vacinas preservam a vida e a saúde do seu pet

As vacinas são determinantes para preservar a saúde e o bem-estar de seu cãozinho. E elas devem ser aplicadas no animal desde filhote e repetidas ano a ano. O calendário de vacinação deve ser organizado por um veterinário para que as doses sejam prescritas no tempo e na medida certos.

Através das imunizações periódicas o seu bichinho de estimação irá prevenir uma série de doenças como a cinomose, que podem levar à morte do animal, e a hepatite infecciosa canina. Inicialmente, o filhote deverá tomar as vacinas polivalentes e a antirrábica.

Outras enfermidades que serão prevenidas com a vacinação são a parvovirose, também letal, e a leptospirose. Essas doenças são consideradas zoonoses, males que podem ser transmitidos para os tutores do animal e a outras pessoas.

Seu amigo fiel também irá precisar de imunizações contra a leishmaniose, a giárdia, a tosse dos cães e as pulgas. Já no primeiro mês de vida, já pode ser aplicado no animalzinho o vermífugo.

Lembre-se que o seu filhotinho não pode ir para a rua ou ter contato com outros animais sem estar vacinado. Mesmo os pets que ficam presos ou isolados devem ser imunizados.

As aplicações anuais e a vacina contra a raiva também são indicadas para os gatos. Um especialista da área de saúde veterinária é o indicado para aplicar os medicamentos adequados a cada caso.

O médico também irá acompanhar os efeitos das vacinas, se estes ocorrerem. Nesta situação, o cão pode ter reações como febre, inchaço e dor no local onde recebeu a imunização. O animal ainda pode ficar indisposto, aparentando desânimo ou prostração.

Deixe uma resposta

Fechar Menu