PLANTÃO 24H. Ligue: (51) 3491.6100

Quando seu pet come grama, pode ser um sinal de alerta

Quando seu pet come grama, pode ser um sinal de alerta

E, de repente, seu cachorro começa a comer grama. Essa atitude de seu amigo de quatro patas pode ser um sinal de alerta? Ou o tutor não precisa se preocupar com isso? Conheça aqui as razões e as consequências para o seu animal de estimação ter este comportamento.

São muitos os motivos para que o seu cão coma grama. Pode ser uma questão de paladar, de buscar novos sabores nos alimentos, ou pode ser uma manifestação que o seu peludo está entediado. Entretanto, o bichano pode estar com vermes, doente.

Esse hábito é muito comum entre as espécies canina e felina. A grama, muitas vezes, ajuda na digestão se o seu bichinho não está muito confortável com a comida que ingeriu. A ingestão dessas fibras também vai auxiliá-lo na eliminação das fezes, quando houver essa dificuldade.

Mas fique atento, pois se o seu amigo fiel tiver outros sintomas agregados ao ato de comer grama, pode ser um indicador de doença. Os sinais mais comuns são a perda de apetite, a apatia, vômitos e diarreias.

Se o cão ou o gato ingere grama de forma constante é um alerta para que você procure um veterinário para examinar o animal. O seu peludo pode estar com alterações gastrointestinais, desidratação ou até verminoses.

É importante também o acompanhamento médico das vacinas e medicações para vermes e outros parasitas. O seu cãozinho ou gatinho ainda pode estar mal nutrido, sofrendo com cólicas ou sentindo algum desconforto abdominal.

Por isso, se perceber que seu animal, além de comer grama com grande frequência, apresenta outros sintomas, procure um veterinário. Ele saberá realizar o diagnóstico preciso para receitar o melhor tratamento, de acordo com a origem do problema.

A rotina de comer grama constantemente também pode acabar tendo outras consequências para o seu companheiro, já que são vegetais que podem estar contaminados com bactérias ou outros detritos anti-higiênicos. Por outro lado, a grama não é tóxica para o animal, ou seja, não vai envenená-lo, como pode ocorrer com outros tipos de vegetais.

Fazer visitas regulares com o seu pet ao veterinário é determinante para manter o bem-estar e a saúde dele em dia. O monitoramento fisiológico e comportamental de seu cão ou gato irá ajudar efetivamente na prevenção de doenças e na cura ágil e eficaz de qualquer enfermidade.

Deixe uma resposta

Fechar Menu